quinta-feira, 1 de março de 2012

Reflexões de uma trintona


Hoje faço 30 anos de idade. Apesar de achar anteriormente que não gostaria de comemorar esta data, cheguei a conclusão que devo sim, comemorar. Comemorar a vida, a saúde, a família e aos amigos. 

Obrigada Deus por tudo que me dá, afinal, tenho muito mais do que mereço, rs... Obrigada aos seguidores e visitantes do Vovó, que sempre dedicam um tempinho para passar por aqui e lembrar dessa trintona (é, agora é assim que serei chamada, kkk...).

Todo aniversário, me pego pensando em como gostaria que as coisas fossem diferentes ou em coisas que me arrependo na vida. Isso me faz lembrar da última coluna da Lya Luft, onde fala exatamente sobre erratas na vida.

Fala sobre quando erramos algo que escrevemos, podemos fazer uma errata e está tudo resolvido. Mas na vida não. E ela narra como seria bom poder fazer erratas na vida. Adorei o texto e achei interessante dividir umas partes com vocês:

"... fiquei pensando em algo que escrevi meses (ou anos?) atrás: não poder fazer erratas na vida. Por exemplo, fazer uma errata para os momentos em que fui impaciente e boba, em que deixei de escutar o outro, em que atropelei suas palavras ou sentimentos, porque estava cansada, ou sem tempo, ou simplesmente sem educação, sem carinho (...)

Seria bom fazer uma errata para as vezes em que fui uma aluna impossível, sempre inquieta, ou distraída, ou rindo de bobagens quando era para ficar séria, com horror a autoridade e limites, o que muitas vezes me valeu belos castigos (...).

Uma errata necessária seria para todas as vezes em que senti culpa por não estar fazendo nada, no meio da tarde, exausta, sentando ou deitando no sofá de pernas para cima, vendo televisão, ou lendo um livro, ou apenas olhando pela janela, nisso que Freud chamava "atenção flutuante", que em certas pessoas, como em mim, são horas de grande e silenciosa produtividade. 

Errata para as vezes em que eu podia ter viajado mas não fui, por covardia; em que devia ter falado e não falei, por preguiça; em que devia ter me calado e falei, por ser estabanada e tender a falar antes de refletir. 

Uma errata para as muitas decisões atrapalhadas, tantas indecisões desnecessárias, tantas lágrimas por tolices e tanta mágoa por infantilidade. Errata para os erros e também para o que não foi erro, mas desatenção, inabilidade, incompetência mesmo.

(...) apesar das pequenas má-criações idiotas, dos telefonemas não dados, do sorriso amarelo, do frequente boicotar-se no que temos de melhor; apesar das mentirinhas, das ironias, das maledicências (mesmo inocentes, mas nenhuma é inocente de verdade), das negligências, da preguiça, das queixas e das falhas inevitáveis - temos de tocar em frente.

Mas bem que se poderia ter a permissão, a possibilidade, o enorme conforto de escrever, ou fazer, para todas as imperfeições cometidas, uma bela errata, porque afinal a gente é apenas uma pessoa, e o velho provérbio chatinho diz que podemos ser anistiados; afinal errar é coisa desse ex-quadrúpede que se meteu em andar ereto, e ainda por cima a pensar, e virou humano". 

11 comentários:

Rê e Dê disse...

owww querida que felicidade... ter trinta anos faz parte!! heheheh

desejo td de bom pra vc e que vc faça varias e varias vezes 30 anos. hehehe

essa é a idade maxima que as mulheres chegam, depois todos os outros anos continuam a ter 30!! hheheh

que DEUS continue te abençoando sempre .

saudade, paz e td que a de bom nessa vida!!

beijão....

Iliane disse...

parabens..feliz aniversario!!!..menina..que reflexão linda essa!!!..acho que a gente tem sempre que comemorar..pois estamos comemorando a vida..e isso é tudo né?rsss..bjo

Ke Chocolate disse...

Oi Trintona....ahahah....Parabénssssssss Nane!!!!! Desejo à vc muita saúde, muita paz, muitas felicidades. Q vc concretize seus sonhos e objetivos...aproveite bem o seu dia...seja feliz!!!!
bjos
Kelly

Iraluiza disse...

Parabéns Nane...comemore essa data única...qd fiz 30 dei uma festa mt legal... tinha que comemorar!
Que Deus a ilumine cada vez mais.
Bjs

Suzete Retti disse...

Parabéns, que cada vez menos sua vida tenha erratas e sim muita alegria e felicidade.Bjs.

Renata disse...

Minha querida amiga,

Receba meu abraço virtual, mas não menos real!

Felicidades mil, saúde, paz, e muita alegria!

Você vai descobrir que fazer 30 anos é bom, e fazer 40 é ainda melhor, afinal a vida deve ser sempre celebrada,

Renata

Cucchiaio pieno disse...

Oi querida
Feliz aniversário! Muitas bençãos na tua vida sempre!
Quando fiz 30 anos entrei na maior crise - hehehe! Fiquei achando que a partir daquela data eu seria "velha"!!!! E agora que farei 37, vejo que nessa fase nunca fui tão feliz!
Bjo grande
Léia

Ângela Souza disse...

Parabéns, lindona!!!
Papai do Céu te guarde em todos os momentos da sua vida.
Bjs da Ângela Souza


PS. fiquei te devendo as fotos do kit Tirol que ganhei... meu filho bateu com o celular dele, e logo em seguida perdeu o celular. Desculpa, tá?! Este foi o motivo de não ter te enviado.

Mari Sabel disse...

Parabéns pelo niver, e saiba que trinta ainda é muuuito jovem... pior é entrar nos enta como eu haha! :S

bjkas

Miriam disse...

Vim participar da sua Felicidade....

Parabéns Nane, toda a Felicidade do mundo para você, que o seu caminhar seja repleto de grandes realizações...

Trintona Linda, segue em frente que a Vida Te espera....Seja Muito Feliz!!!

1000 Beijokinhas

Time Traveller disse...

Ah ah ah ah... e eu que pensava que já eras mais... "crescida" ;)

A sério!!! Talvez pelo título do blog...

Muitos parabéns... atrasados.
Eu já estou nos trintas há uns anos e gosto tanto deles que não me importava de ficar neles eternamente Loooool

LinkWithin

Related Posts with Thumbnails